Festa do lado de fora

Dois ambientes fora do contexto interno da casa, um de Manuela Senna e outro de Silvia Carvalho, celebram a vida

Insta: CASACOR MINASMANUELA SENNASILVIA CARVALHO

Mesmo antes da experiência de confinamento que passamos recentemente com pandemia, ambientes externos sempre encabeçaram a lista de desejos de um vasto público. Agora, eles estão ainda mais em evidência e são valorizados como protagonistas dos projetos de arquitetura. Na CASACOR Minas 2023, há vários projetos que unem beleza, funcionalidade e soluções bastante criativas ao ar livre.

Hoje, destacamos dois: a varanda assinada pela arquiteta Manuela Senna no empreendimento Casa Ferolla e a Vila do Vinho, da arquiteta Silvia Carvalho. Cada um tem personalidade distinta, mas, em ambos, o charme dos elementos naturais prevalece.

A varanda de Manuela Senna inspira encontros descontraídos ao redor da mesa, tendo a arte de cozinhar como centro da proposta. Os materiais escolhidos trazem um mix de texturas que criam uma sintonia fina com as formas orgânicas presentes no espaço e com o verde do paisagismo.

Aliás, misturar texturas nos revestimentos é uma tendência apontada pela mostra. A Vila do Vinho de Silvia Carvalho, por exemplo, é cercada de elementos naturais como a madeira, a pedra, o cimento e o tijolo que sugestivamente remete às rolhas. Estas, por sinal, também se destacam, nos painéis piso teto que, de um lado são porta rolhas e, do outro, formam um grande painel para projeção de conteúdo.

Entre os detalhes que chamam a atenção no ambiente de Manuela Senna, estão os endentes de Adriana Yazbek, feitos de estrutura de metal com pintura eletrostática, revestidas de tecido e Kozo – o papel japonês mais antigo do mundo; o mobiliário dos designers Jader Almeida e Bruno de Carvalho e as obras de arte e poema, de Claudia Schroeder e Heloísa Crocco.

Sobre o trabalho de Silvia Carvalho, a adega que tira partido do desenho curvo da casa construída na década de 1940 e cria uma cave bastante acolhedora é onde tudo começa. Dali avança uma grande mesa orgânica para abrigar confrarias, seguida de uma bancada de trabalho. A ideia foi criar um espaço confortável para apreciadores do vinho, utilizando ainda a tecnologia presente nos cenários de luz, que variam de acordo com a temática escolhida.

FOTO DE CAPA – Vila do Vinho, de Silvia Carvalho. Foto: Daniel Mansur.

DESTAQUES

Ouça nossas playlist em

LEIA MAIS

Atração e repulsa

Ruídos, exposição da artista Berna Reale, em cartaz no CCBB BH, apresenta um recorte da extensa produção da artista paraense

Muito além dos muros do museu

Série audiovisual Caminhadas, lançada recentemente pela Oficina Francisco Brennand é um convite para uma jornada pela de redescobertas e inspiração

Cheio de graça

Reforma de um apartamento no centro de Belo Horizonte apresenta soluções que conferem uma digital única a todos os ambientes

De bem com a vida

Projeto paisagístico de Flavia D’urso em propriedade no sul da Bahia respeita a natureza e cria um paraíso muito particular.

plugins premium WordPress